10482234_672378889508801_7845524865926491696_n
Unidos pelo Orkut

Dia 30 de setembro o Orkut vai sair de fininho das redes sociais. Apesar de não usá-lo desde 2011, fica aqui minha homenagem ao nosso querido. Entrei naquelas bandas quando ainda precisava de convite e deletei minha conta porque estava de saco cheio em fuxicar os outros e ser fuxicada. O mais irônico nisso tudo foi que, logo após minha saída, comecei a frequentar o Facebook (abri minha conta no Mark em 2008 e comecei a usar de verdade em 2010), pois achava que era mais tranquilo. Hoje em dia eu TRABALHO com redes sociais, principalmente com o case de sucesso do Zucka.

Antes de deletar minha conta pessoal no Orkut, criei uma outra para guardar minhas comunidades. Eu amava criar essas patifarias, sério! Participava até de fóruns de criadores. Aliás, no meu ponto de vista, isso era o que definia essa rede social. Quem nunca baixou um álbum completo na “Discografia” ou riu pacas de uma ideia tosca de comunidade? NÉ!

O ROTAROOTS desse mês está cheio de tema legal e vou tentar fazer todos. Esse é o segundo e dei uma leve alterada, já que era “5 comunidades que eu criaria“. Mudei para as que realmente criei. Umas deram super certo e bateram mais de 10 mil seguidores, 8 mil etc, outras eram mais fraquinhas e feitas para o pessoal que realmente gostasse de um determinado assunto. Depois de anos, entrei no meu perfil de comunidades e estava cheio de solicitações. Tudo bem bagunçado, cheio de SPAM, um caos completo. Vai ver que é por isso que resolveram deletar tudo…

Vou mostrar algumas das 21 comunidades que criei. Juro que morri de vergonha de ver tudo de novo, mas né, fez parte do processo.

1orkut - meu perfil
Meu perfil super grosseiro, hahahaha! SAI DAQUI!

5 comunidades que criei no Orkut

Síndrome de Scarlett O’Hara

1orkut - Síndrome de Scarlett O'Hara

Criei esse termo depois de assistir “…E o Vento Levou” e me identificar com a chata da Scarlett O’Hara. Pensei: minha nossa, tenho a síndrome dessa mulher e preciso compartilhar isso!!!111! Sem contar a bela levantada de sobrancelha que só entendedores, entenderão. Claro que hoje em dia não estou 100% curada em ser drama queen, mas melhorei muito porque acho feio por demais pessoas que são assim. Coisa inconveniente. Vai encerrar com 8338 membros dramáticos, hahaha.

A arte de fazer carão

1orkut - A arte de fazer carão

Essa comunidade era a mais famosa, consegui mais de 12 mil seguidores em um mundo totalmente orgânico. Que beleza, né? Ah, o termo “carão” tinha começado a ser utilizado.

Cortei e não gostei

1orkut - Cortei e não gostei

Essa foi inspirada no “não vi e não gostei”, só que ao contrário. Eu inventei a Síndrome de Edward Scisshorhands para cabeleireiros que destruíram meu fuá. HAHAHAHA

Emagrecendo com Nicole Richie

1orkut - Emagrecendo com Nicole Richie

Eu tive que moderar essa comunidade porque entrava muita pro-ana e mia. DEUS ME LIVRE! Era uma piadoca com artistas que emagreciam do nada e a gente pagava pau. Acho a descrição hoje em dia totalmente equivocada e entendo porque atraia tanta gente bizarra. Não me orgulho dessa comunidade, mas tô postando para vocês verem a Camila Coutinho do Garotas Estúpidas fazendo propaganda do blog por lá. A danada fazia spam em todas as comunidades “pops” a fim de divulgar o blog e o resultado taí, deu certo na vida e a gente não.

Ratos de vídeo locadora

1orkut - Ratos de vídeo locadora

Adorava essa comunidade porque trocava muita ideia com os membros. Criava vários tópicos de discussão de filmes, lançamentos, locações etc. Também criei o “Mendigar posters é o futuro”, já que eu era rainha em pedir essas coisas pros tios das locadoras. Para ver a lista das outras comunidades, aqui ó.

—-

 Adeus, Orkut. Obrigada por tudo, <3.

Espalhe por aí:

2 Comentários em ROTAROOTS: 5 comunidades que criei no Orkut

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Comentário *