Design

As ilustrações de Ana Strumpf

ana strumpf - vogue
Foto: Fran Parente/Arquivo Vogue

Ana Strumpf é uma mulher talentosa, bem sucedida e conhecida em diversos meios, pois consegue exercer funções como ilustradora, designer de interiores e produto, além de direção e consultoria criativa. Um multitalento! Conhecida por assinar parcerias com a Tok&Stok, Micasa, Keds, Ellus e até Walt Disney, Ana agora tem um canal fixo no site da revista Vogue BR, o “A Moda da Casa“, onde visita a casa de pessoas ilustres como Costanza Pascolato, Vanessa Rozan, Dudu Bertholini, entre outros seres criativos.

Além disso, a ilustradora mantém seu site oficial com seus diversos trabalhos e preciso falar sobre um em especial, o Re.Cover. O projeto criado em 2012 veio com a ideia em ilustrar capas de revistas famosas, sendo cada uma recriada de maneira criativa e divertida a mão pela artista. Cada capa tem edição de 5, desenhada na original mesmo. Achei sensacional e já sonho com algumas para decorar minha humilde parede. Todos os desenhos são feitos com bastante cor, textura e detalhes geométricos que amamos.

Ana Strumpf 13

Ana Strumpf 2

Ana Strumpf 6

Ana Strumpf 16

Para segui-la: Instagram

 

Lowbrow com Scott Moore

scott moore 8

Scott Moore é um artista americano de lowbrow. Nascido em Los Angeles, Moore estudou na John Pike Watercolor School, em NY e hoje possui sua própria escola, a Scott Moore Watercolor Workshops, em Laguna Beach. O trabalho dele é incrível com aquela pegada retrô que adoramos.

O processo criativo de Moore é muito interessante: ele utiliza de fotos antigas, cartazes e até objetos reais (geralmente brinquedos) para criar suas obras – que quase sempre possuem fachadas bonitas e detalhes oversized. Aqui ele conta passo a passo, inclusive ele se usa como modelo em algumas ocasiões, além da sua memória afetiva infantil.

scott moore 15scott moore 5

Ps:- para quem não sabe o que é lowbrow, indico ler este post aqui.

Polly Nor: desenha mulheres e diabos

Quem é andarilho de redes sociais como Tumblr, Pinterest já deve ter se deparado com alguma ilustra de Polly Nor. A designer britânica começou a fazer sucesso por criar algo provocador em que faz menção ao maniqueísmo eterno que temos de lidar. Com seu trabalho, a ilustradora explora a sexualidade feminina de maneira divertida onde a mulher e o diabo estão intrínsecos no conforto do lar. Afinal de contas, quando chegamos em casa, podemos ficar completamente à vontade com nosso corpo e até mesmo com a tal da instabilidade emocional. “Alguns dos meus trabalhos são uma resposta à pornografia, onde as mulheres são apenas objetos para os homens, sem pensamentos ou sentimentos próprios”, explica para Asos.

Polly Nor 9

Além disso, a artista já trabalhou para alguns veículos conhecidos como Bloomsbury Publishing, Dazed Digital, Hunger TV e Complex Magazine. Para quem gosta de um humor mais apimentado, Polly Nor é perfeita!

Para segui-la: IG | Site

Museum of Neon Art

Sou muito fã de museus, de verdade. Na minha última viagem longa consegui ir em 15. O dinheiro era basicamente pra comer e ir ao museu. Também sou apaixonada por neon, acho divertido, dá uma graça na decoração. Pois descobri esses dias que tem um museu dedicado aos neons.

MONA Front-View-960x720

O Museum of Neon Art foi fundado em 1981 pelos artistas Lili Lakich e Richard Jenkins, em Los Angeles. O princípio de sua criação é educar a população sobre a arte do neon elétrico e cinético. Além disso, o museu preserva peças com mais de três décadas, ensinando a importância desta iluminação na integração da tecnologia elétrica, como design criativo e conceito fundamental de física e química.

O MONA também faz exibições baseadas no passado, presente e futuro da iluminação, além de fomentar o projeto LUMENS na cidade Los Angeles onde traz um bus tour chamado Neon Cruise™. Quem visita também pode conhecer uma sala de estudos que ensina as premissas de como fabricar um tubo neon e instalação. Já para quem quer profissionalizar a arte do neon, pode participar de workshops. Para saber sobre visitação (preços, horário, endereço), dá pra ver aqui.

Para seguir: Fanpage