Da tristeza amorosa

Direto ao ponto: dos 28 para os 29 me coloquei num stand by amoroso que foi importante pra mim. Uma desintoxicação mesmo. Foi necessário, pois, infelizmente, sou dessas pessoas intensas. Não gosto desse lance de 8 ou 80. “Ai sou 8 ou 80, me aguentem”. Não, eu gosto de equilíbrio e gostaria muito de encontrá-lo para viver em paz comigo mesma e com quem convive comigo. Então, sozinha, eu encontrei isso e percebi que ser solteira é muito ok, já que traz uma paz de espírito maravilhosa (como escrevi aqui). Dos 29 para os 30 e depois indo para os 31 (dois anos) foquei quase que exclusivamente na minha nova carreira. Foi um momento de transição digna e no meio disso tive uma fase quase que adolescente que durou um mês. Parecia até uma despedida. Foi engraçado, mas acabei perdendo meu celular nessa época que foi um dos maiores prejuízos da vida, haha. Blé. Problemas que você resolve com freelas.

source

Um mês antes de completar 31, algumas coisas mudaram e resolvi aceitar, abraçar e me dispor. Parecia até um sonho bom, um presente divino (haha) de ter uma romaria -literalmente- na porta do meu prédio em um dia que foi especial. Mas nada é fácil, as pessoas carregam uma bagagem lotada de medo, frustração, monstros etc. Surgem aviltações e, você, que sempre gostou de ser como é, mesmo sabendo que ainda precisa mudar muito, se sente culpada por existir.  Nessa fase também existem intempéries nas amizades com mudança da rotina e comportamentos babacas, mas isso se resolve. Ainda existe a cobrança da sociedade online que até entendo, pois um “solteiro(a)” no Facebook – que é o RG virtual de 98% da população – pode abrir portas, né não? (essa pesquisa aqui não foi à toa). A pessoa te assume, mas não te assume por inteiro. E talvez você nem queira mais porque as coisas desandaram de tal jeito que só quer ficar encolhida no cantinho, vendo como sair do olho do furacão. Existem as coisas boas, claro, o carinho, a paciência momentânea, a parceria que tanto quis, o andar de mãos dadas, os elogios sobre sua aparência física que nem está tão boa assim, diga-se de passagem (hehe). Talvez fosse um teatro. E isso dói quando você precisa colocar na balança se prefere continuar vivendo numa masmorra amorosa onde recebe “prêmios sociais” como pseudo namorada ou se prefere escrever um texto catarse com óculos embaçado, pois sabe que o final realmente chegou. É uma dor tão cruel em saber que você se expôs tanto, se abriu e tudo mais. O meu sincericídio causa danos para todos os lados (80). Os meus engolir de sapos que não são bons para o meu peito (8). Foi uma pena que monstros e frustrações acabaram tomando conta disso tudo. Infelizmente eu idealizo relacionamentos: sei que serão difíceis, mas precisa existir respeito, amizade e muito amor que jamais vai fazer com que você solte os clichês culturais escrotos que ninguém merece ouvir. Nem você, nem ele. É uma pena mesmo que isso ainda é tão distante pra mim.

Conheça Alisha Huskin aka scoobtoobins

scoobtoobins 0

Você pode encontrar Alisha Huskin de diversas formas na internet com o sobrenome Murray, por exemplo ou como Scoobtoobins – apelido de seu cachorrinho que acabou virando seu username artístico nas redes. Ilustradora freelance para o Metro Detroit Michigan, ela retrata tudo que a interessa de uma maneira bem única. Por ser extremamente tatuada, a artista sempre faz referência a este mundo maravilhoso (heh) com temas como sexo, amor, morte, desilução, entre outros.

scoobtoobins 8

scoobtoobins 11 scoobtoobins

Para segui-la: Fanpage | Instagram | Tumblr

Conheça Lady Weird

lady weird 0

Atenção fãs de tudo relacionado ao vintage sleaze: hoje é dia de conhecer Lady Weird que tem um material diverso com ilustrações próprias. Diretamente do Japão, a designer começou em 2014 decorando pratos de porcelana com pin-ups e, ao postar em seu Instagram, logo recebeu diversas notificações de pessoas interessadas em comprar. Com o sucesso imediato e algumas colaborações internacionais, Lady Weird acabou virando uma marca e cria bordados, ilustrações a joias de resinas. Claro que tudo é no maior estilo anos 40-50-60 que é grande fonte de inspiração. Além das décadas citadas, outras influências da artista são os hots rods, filmes B, burlesco, lowbrow art, rock’n’roll, monstros e tiki. Vale a pena conhecer o trabalho dela!

lady weird 3 lady weird 8 lady weird 9 lady weird 1

Para seguir: Fanpage | IG | Site

Meme 3 coisinhas e feliz ano novo

2017 chegou e ainda não tinha dado as caras por aqui. Fiquei meio atribulada com o final de ano (o que foi bom), logo não fiz mais nada por aqui. Continuo postando muito na fanpage, então não é um total descaso. Pra tirar o atraso de leve, vou postar um meme que achei no blog da mig Raquel sobre 3 coisas que….

3 coisas que me dão medo
gente mal intencionada
ódio gratuito
ignorância alheia

3 coisas que me dão preguiça
falar ao telefone
posers
chuva

3 coisas que eu gosto
dormir
viajar
assistir bons filmes, séries e shows

3 coisas que eu sei fazer
ter ideias para outras pessoas
organizar coisinhas
um draminha básico

3 coisas que eu não sei fazer
dirigir
dieta
comida

3 assuntos preferidos
filmes
tatuagens
maquiagem

3 assuntos que eu não curto discutir
religião
gosto musical
politicagem

3 cheiros preferidos
chulé de pata de cachorro ou gato
quando cai a chuva e deixa aquele cheiro característico
da granado

3 cheiros que eu detesto
suvaco
comida podre
água sanitária

3 melhores comidas
sorvete
macarrão
hambúrguer vegetariano ou vegano

3 piores comidas
todo tipo de carne
espinafre
rúcula

3 piores redes sociais
facebook
snapchat
twitter

3 melhores redes sociais
pinterest
instagram
tumblr

3 melhores bebidas
vitamina de banana
suco de laranja
cappuccino e chás gelados

3 piores bebidas
cerveja aguada e quente
tequila
bebidas quentes demais

3 coisas que me acalmam
dormir
comer
caminhar

3 coisas que levam todo o meu dinheiro
maquiagem (material de trabalho)
acessórios
bares

3 coisas em que eu detesto gastar dinheiro
consertos de qualquer coisa
academia
comida ruim

3 coisas que me estressam
pessoas ruins
conversa desinteressante
verão

3 coisas que eu vou fazer essa semana
fazer caminhadas
organizar minha agenda pra trabalho
tentar postar mais no blog

3 coisas que eu fiz na semana passada
comecei uma reeducação alimentar
voltei a caminhar diariamente
assisti documentário

3 coisas que eu quero fazer em breve
viajar para alguma praia que seja perto
economizar mais dinheiro pra viajar pra fora de novo
mais posts pro blog

3 coisas que eu deveria fazer em breve
parar de pesquisar coisas que não posso comprar haha
andar com o camões
parar de procrastinar

3 coisas que eu não quero fazer
sair hoje de casa
arrumar meu quarto
sair da frente do computador